Prisão preventiva para suspeito de violência doméstica no concelho de Redondo

O Tribunal de Redondo decretou a prisão preventiva de um homem pelo crime de violência doméstica contra a ex-companheira, após ter violado as medidas de coação que já lhe tinham sido aplicadas, foi divulgado esta sexta-feira.

O homem, de 29 anos, foi detido pela GNR, na terça-feira, no concelho de Redondo, e presente, na quinta-feira, ao tribunal da vila, que lhe decretou a medida de coação de prisão preventiva, a mais gravosa, refere a força de segurança.

Em comunicado enviado à agência Lusa, a GNR explica que o homem já tinha sido detido e presente a tribunal por suspeitas de agredir física e psicologicamente a ex-companheira, de 34 anos, “mas incumpriu as medidas de coação que lhe tinham sido decretadas, nomeadamente a proibição de contactos com a vítima”.

Por isso, na sequência de um mandado, o homem voltou a ser detido, presente a tribunal e ficou a aguardar julgamento em prisão preventiva.