Orçamento Participativo em Odemira dedicado ao ambiente

Foto: Facebook Município de Odemira

O Orçamento Participativo (OP) de Odemira deste ano é temático e contempla uma verba de 300 mil euros para projetos imateriais propostos pela população na área de ambiente e alterações climáticas a incluir no orçamento municipal para 2021.

Segundo a Câmara de Odemira todos os residentes, trabalhadores ou estudantes do concelho com idades a partir dos 14 anos podem apresentar, até ao final de junho, propostas de projetos imateriais naquela área e em temáticas como eficiência energética e hídrica, otimização e recolha de resíduos, energias alternativas e remoção de espécies invasoras.

Cada proposta não pode ultrapassar os 75 mil euros, incluindo custos de elaboração dos projetos e IVA à taxa legal em vigor, e, devido à pandemia de covid-19, deve ser apresentada em formato digital no sítio de Internet do projeto ou num encontro de participação digital, que será realizado através de sistema de videoconferência.

O OP deste ano tem uma dotação global de 300 mil euros, sendo metade para projetos promovidos nas freguesias com menos de 1.500 habitantes e a outra metade para projetos promovidos nas freguesias com população superior a 1.500 habitantes.