GNR de Beja faz transporte urgente de órgão entre hospitais

A GNR efetuou esta quarta-feira um transporte urgente de órgão entre o hospital de Beja e o Centro Hospitalar e Universitário do Porto, a pedido do Gabinete Coordenador de Colheita e Transplante.

O transporte foi efetuado por uma patrulha do Destacamento de Trânsito de Beja da GNR, que fez o trajeto entre as duas unidades de saúde “com urgência”, mas “garantindo sempre a segurança dos demais utentes” das vias.

A GNR explica, em comunicado, que, por regra, é contactada pela unidade de saúde que detém o órgão a ser transportado e depois empenha de imediato uma patrulha que o transporta nas exigidas condições térmicas até ao destino.

“A qualidade e a segurança da transplantação de órgãos depende do tempo necessário para o seu transporte, competindo à GNR, em respeito das condições de segurança, chegar ao destino no menor tempo possível, contribuindo deste modo para o salvamento de mais uma vida”, refere a força de segurança.