GNR apreende 600 quilos de sardinha na lota de Sines

A Unidade de Controlo Costeiro da Guarda Nacional Republicana (GNR) apreendeu esta sexta-feira 600 quilos de sardinha, na lota de Sines, num valor estimado de 1.300 euros, divulgou a força de segurança.

Em comunicado, a GNR indicou que a apreensão ocorreu durante uma operação de fiscalização destinada ao controlo das descargas de pescado proveniente das embarcações de cerco no porto de pesca de Sines.

Durante a operação, “os militares detetaram que uma das embarcações tinha ultrapassado a cota diária de pesca permitida para aquela espécie”, lê-se no comunicado.

No decorrer da operação, segundo a GNR, foi identificado um homem, de 74 anos, e elaborado um auto de contraordenação, sendo a infração punível com uma coima até 25 mil euros.

“A prática de uma pesca sustentável, que respeite a natureza e a integridade dos ecossistemas, contribui para a conservação das unidades populacionais de peixes e, ao mesmo tempo, para a criação de condições de prosperidade e emprego no setor das pescas”, recorda a guarda.

O pescado apreendido foi doado a várias instituições de solidariedade da região.