Arquitetura Paisagista em Évora sem novas vagas por falta de alunos

A licenciatura em Arquitetura Paisagista na Universidade de Évora (UÉ), com quase 40 anos, não vai abrir novas vagas no próximo ano letivo.

A reitora da UÉ, Ana Costa Freitas, explicou à agência Lusa que “O curso está acreditado e não é para fechar”, mas a decisão de não abrir vagas para o 1.º ciclo [licenciatura] no ano letivo 2019/2020 “é para refletir naquilo que se pode fazer”.

A decisão de não abrir vagas no ano letivo de 2019/2020 para Arquitetura Paisagista na Universidade de Évora foi noticiada hoje pelo jornal Público, que titula que “Évora fecha curso histórico”.