Notas Musicais
imagem Noticias
imagem Noticias
imagem Noticias
 

Alimentação animal avança por causa da seca

12-10-2017

O Governo vai avançar no início da próxima semana com medidas adicionais de apoio à alimentação animal para mitigar os efeitos da seca. O anúncio foi feito  hoje pelo  ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural.

Na segunda-feira, Capoulas Santos  sensibilizou os  parceiros europeus no Luxemburgo para a necessidade de mais "apoio solidário da União Europeia" para Portugal enfrentar o problema da seca, que atinge particularmente os produtores pecuários.

Hoje, na primeira Cimeira de Inovação na Agricultura, que decorreu em Oeiras, e ao lado do Comissão Europeu com a pasta da Agricultura, Phil Hogan, o ministro português considerou que Bruxelas "está suficientemente sensibilizada", mas que não está fechado nenhum apoio europeu adicional.

"Independentemente disso", o Ministério da Agricultura vai avançar nos próximos dias com algumas medidas adicionais de apoio. 

Capoulas Santos não disse quais,  porque estão em preparação. Mas no início da próxima semana, o ministro  disse estar em condições de anunciar alguns apoios direcionados quer para a questão da garantia do abeberamento dos animais, quer para a alimentação animal", afirmou Capoulas Santos aos jornalistas no final da sua intervenção em Oeiras.

O ministro da Agricultura considerou que a Comissão Europeia "tem sido excecional" com Portugal, nas últimas crises relacionadas com o leite, os suínos e com os incêndios florestais, recordando que, em agosto, autorizou o Governo português "a antecipar 70% dos pagamentos, o que será feito antes do final do mês e permitirá transferir para os agricultores cerca de 400 milhões de euros de apoio".